Em um segundo (por Nathália)

Lá se vai mais um ano. 2008 não foi um ano qualquer, pois além dos costumeiros 365 dias, tivemos um a mais em fevereiro. Além de ser um ano bissexto, 2008 terá um segundo a mais.

Sim, caros leitores. Quando todos iniciarem a contagem regressiva para a virada do ano a partir do 10, saiba que na verdade é 11. Isso acontece devido a uma diferença entre o tempo marcado nos relógios atômicos e o tempo de rotação da Terra, mas não é a minha pretensão explicar qual é o sentido disso, até porque eu realmente não gosto de física. 

A questão é: já que teremos um segundo a mais, o que podemos fazer nesse segundo? Rá! Se tu pensas que nada, está completamente enganado. Um segundo pode parecer pouco para alguns, mas é bastante tempo.

Um segundo foi o tempo em que alguém disparou contra Francisco Ferdinando, o que mudou a história mundial.
Em um segundo tu podes dizer alguma coisa importante para alguém. Sério, se tu não acreditas, pega um cronômetro e diz ALGUMA COISA IMPORTANTE xD
Em segundo, nascem 4 crianças no mundo (sim, agora já são oito; doze; dezesseis; vinte…)
Com um segundo a mais em uma suas provas de natação, Michael Phelps não ganharia 7 medalhas de ouro nas Olimpíadas de 2008.
Se tu não estiveres bem atento, provavelmente nem notarias a diferença de um segundo, porque nós piscamos em um segundo.
É tanto tempo um segundo que um átomo de césio-133 oscila aproximadamente 9 bilhões de vezes neste período.
O Google me diz que uma sacola de plástico é produzida em um segundo.
Em um segundo alguém poderia dizer Ponte do Brooklin e ganhar no imagem e ação.
Ou poderia advinhar uma imitação de urso do Nilda. Não, pensando bem, só o Thales consegue isso em um segundo xD
Eu penso que é bem possível alguém (não eu, por exemplo…) torcer o tornozelo em um segundo. Que burrice xD

Bom, não sei o que irei fazer no um segundo extra de 2008, mas deu pra ver que dá tempo de fazer um monte de coisas… Then, amiguinhos, enjoy! E digam-me o que mais é possível fazer em um segundo.

Feliz Ano Novo! Beijões.

Anúncios

As Aventuras de Töruh no Maranhão! – Parte 3 (por mim mesmo)

Por algumas vezes pensei em escrever, quando no Rio Grande do Sul, um dicionário com todas as palavras, por este que vos escreve percebidas, que sofrem uma pequena alteração no dialeto gaúcho. A exemplo temos o negrinho a ser comigo, que em condições normais de temperatura e pressão se chamaria brigadeiro. Aliás, só pra constar,  sou completamente contra qualquer tipo de discriminação. Peace, brou… =D

Entretando a vontade de fazer não supera a força fadigo-gravitacional que o universo teima em aplicar sobre mim e acabei por deixar passar (por enquanto). Eis que me surge uma grande idéia: por que não fazer um dicionário maranhense (publicar, afinal não é de minha autoria)? Assim todos poderão compartilhar do vocabulário com o qual cresci, e que só é praticado aqui. Né?

Olha que bacanudo…

Quando leva um susto o maranhense não diz: Noossa!, Diz :Éééguuuaaas!

maranhense não fala “você” – fala “tu”.

maranhense não usa tiara – usa “traca”.

maranhense não chama atenção – é “esparroso”.

não existe maranhense gay – existe maranhense “cualira”!

maranhense não é moleque – é “piqueno saliente”.

maranhense não é convencido- só “quer se amostrar” (Chamar atenção pra si).

maranhense não fica com fome – fica “brocado” (de “Broca”, instrumento que fura).

maranhense não usa o termo “comida” – e sim “cumê” (do arcaico “de Comer”) ou o que tem pra comer?

maranhense não espiona – “maroca” (Investigar a vida alheia).

maranhense não é “chato” – é “ralado”.

maranhense não é estraga-prazeres – é “aziado”.

maranhense não é mão-de-vaca – é “canhenga”

maranhense não sente agonia – “se arrilia”.

maranhense não é o proximo no futebol – é o “desafiado”.

maranhense não é burro – é “abestado”.

maranhense não bate- “dále”.

maranhense não dá um soco – dá um “bogue”.

maranhense não é rápido – é “zilado”.

não se diz pra um maranhense se apressar – mas sim: “cuida, cuida !!!”.

maranhense não fala sim – fala “uhum”.

maranhense não se dá mal – se “lasca”.

maranhense não fica sem sexo – fica “na pedra”.

maranhense não fica sem trabalho – “fica na roça”.

maranhense não fica sem cueca – fica “na calha”.

maranhense não faz imitação – “arremeda”.

maranhense quando é feio – é uma “mucura”.

maranhense não é dedo-duro é “caguêta”.

maranhense não acha um coisa muito legal – acha “dizendo”.

maranhense não se manca – “se toca”.

maranhense não danifica nada – “escangalha”, “esculhamba”.

maranhense quando é prostituta – é “nigrinha”.

maranhense não é ruim – é “fulero”.

maranhense não fica quieto – “se acomoda”.

Depois de ler isso me dei conta que de é burrice fazer um dicionário gaúcho pois todos mudam alguma coisa quando a mesma chega até eles. Cada lugar tem o seu jeitinho de falar, a sua peculiaridade, a sua característica marcante. Isso torna cada qual interessante com sua interessantisse e deixa todo mundo diferente de todo mundo. Êêêêêêê..! Gol do Brasil!

=D

As aventuras de Töruh no Maranhão! – Parte 2 (por mim mesmo)

Isso que é exemplo!

Isso que é exemplo!

Confesso que a princípio pensei, como muitos (ah, safaaaados), que a parte um seria a única – e eu mudei o nome sim, e daí? – mas acabou que dei com os equinos desprovidos de sagaciade na fonte da vida. Que bom! =D

Eis que, numa conversa com meu tio (figuraça de cabeça brilhante que não perde o bom humor nem na cama do hospital) ele, dentre muitas outras coisas, citou uma que me deixou encafifado. E não só a mim.

Ele é médico cirurgião bem sucedido e mora no interior e estava na capital devido a um infarto. O.K. Não vou ficar me remoendo nisso porque ninguém gosta de ouvir notícia ruim. A propósito, ele está bem sim. O que interessa é que ele falou uma coisa que achei deveras interessante, e que apertou legal o **zinho do meu pai. XD

Vocês sabiam que o perímetro da cintura é indicador da possibilidade de se ter um infarto? Claro que a regra só é válida pra quem tem histórico familiar. Anyway. Pois é, tem até limite pra isso! 96 cm para homens e 82 cm para mulheres. Vocês precisavam ver a reação do meu pai ao ouvir isso… completamente impagável. =D

É verdade que pra nós isso não tem muita utilidade, mas é bom que avisem seus pais, tios, cachorros, papagaios… porque embora pareça crença da lavadeira da casa da vovó, já foi escrito em livros de medicina e tudo mais. E é claro que no futuro nós poderemos estar passando por algo parecido, então é melhor nos cuidarmos.

Geração saúde go go go… =D

Feliz Natal!

feliznatal

Ho-ho-ho! Natal chegou! Papai-Noel tá quase pintando por aí (ou não) pra fazer zilhares de crianças felizes e desiludir outras tantas. Os centros e shoppings das cidades estão aquele “larga esse brinquedo porque eu vi primeiro!” e todo mundo tá fazendo a sua ceia pra comemorar a noite natalina. É aquela coisa linda… NOT!

E nós aqui do TeoDeos não esquecemos da noite do Menino Jesus!

WEEEEEEEE!!!! \o/

Desejamos um ótimo Natal a todos. Que todos os sonhos se realizem eee aquela baboseira de sempre que a vó de cada um e blá blá blá… (como eu nunca gosto do meu Natal mesmo acabo por concordar que o mesmo só presta na TV).

Então é isso, pessoar. Que o final de ano de todos seja ótimo e cheio de górias e vitórias, muito álcool, fumo, pagode, O.K. Não sou mais eu quem está escrevendo aqui.

Resumindo: Feliz Natal! E era isso.

=D

As aventuras de Töruh no Nordeste! (por mim mesmo) =D

É isso aí, piruzada.

Como eu estou aqui mas não queria estar – é, amigo, a vida nem sempre é como a gente quer – resolvi postar daqui mesmo. Uma vez que tenho internet 24/7 não teria por que não fazê-lo. =D

Mas, como eu sou contra fazer do nosso blog um blog MESMO, com aquela viadagem de postar as frufruzisses da vida de um geek amargurado, resolvi escrever só coisas que são de interesse comum a todos. E eis que me surge a primeira.

O Guaraná Jesus foi nacionalizado! Sim, foi!

É exatamente isso, amiginhos.

Agora foi efetivada, pela Coca-Cola, que comprou os direitos da marca,  a comercialização nacional (em todo o Brasil pros juvenas) do Sonho Cor-de-rosa. Todos que um dia já se deliciaram com essa delícia (?) vão poder fazê-lo uma vez, e quantas quiserem, mais. E aqueles que ainda não tiveram a oportunidade, vão poder beber do líquido sagrado (sacou? hã, hã…) e tirar suas próprias conclusões garantindo, então, seu lugar no paraíso ou no infernão fr0m h3ll.

Acredito que, graças à propaganda feita previamente por este que vos escreve, todos estão deveras eufóricos depois de ler os parágrafos anteriores. Só nos resta saber quando que vai ser cumprida a promessa. Considerando que o frete brasileiro é o mais caro do mundo, isso vai demoraaar…

P.S.: parece que só eu estou escrevendo para essa joça.

Viajei! ¬¬ (por Töruh)

Pois, é, criançada. Como todos já sabem (afinal que todos que lêem o blog são nossos coleguenhas) este que vos escreve saiu para umas “férias” e encontra-se no momento em São Luís, do Maranhão aquela. Mesmo que a uma modesta contra-vontade. Fazer o quê?

Mas não há motivos pra priar cânico pois aqui estou. =D

Consegui uma internet wi-fi super fr0m h3ll por cá e vou tentar acessá-la todos os dias com a missão de matê-los informados sobre essa jornada. É claro que ninguém quer saber sobre isso, e eu nem sei se realmente escreverei sobre, mas né. =D

Estou com muitas saudades de todos e não vejo a hora de voltar. Por enquanto vocês ficam com notícias daqui mesmo.

Valeu..!